Prefeitura Municipal de
Souto Soares

quicksearch
Bem-vindo ao portal da Prefeitura Municipal de Souto Soares.
Aqui você encontra o conjunto de informações funcionais e administrativas de interesse da sociedade.
Fique por dentro de tudo acompanhando o nosso Plantão de Notícias abaixo
Primeiro brasileiro diagnosticado com varíola dos macacos recebe alta e deixa hospital em SP
Anderson Ribeiro, de 41 anos, foi contaminado durante viagem à Europa e estava isolado no Instituto de Infectologia Emílio Ribas desde o dia 6 de junho. Ele disse que feridas já cicatrizaram e que se sente \'muito bem\'. Brasil registra 8 casos da doença, sendo 4 no estado de SP.

O primeiro brasileiro diagnosticado com a varíola dos macacos recebeu alta médica e deixou o Instituto de Infectologia Emílio Ribas, em São Paulo, na manhã desta segunda-feira (20), depois de quatorze dias de isolamento.

Anderson Ribeiro tem 41 anos e é gerente de Produtos e Projetos de Recursos Humanos em uma empresa na capital paulista.

“Estou me sentido muito bem. Farei, futuramente, um retorno de acompanhamento".
Ele teve os primeiros sintomas da doença no final de maio, quando retornou ao Brasil após uma viagem à Europa. Anderson e a mãe tinham viajado para Portugal e Espanha.

O diagnóstico de Anderson foi confirmado pelo Instituto Adolfo Lutz no dia 9 de junho.

Atualmente, o Brasil registra oito casos confirmados da doença, sendo que quatro estão no estado de São Paulo.

“Minha viagem foi por um motivo tão lindo, que era levar minha mãe para conhecer a Europa e comemorar o aniversário dela lá. Ela amou", relata.

A mãe dele está bem, sendo monitorada, assim como todas as pessoas que tiveram contato com o paciente.

“As pessoas com quem eu tive contato, não tiveram o vírus e isso é maravilhoso. Meu isolamento protegeu muitas pessoas. Isso é importante.”

Anderson contou que todas as feridas já cicatrizaram.

“O tempo era necessário para as feridas secarem e o vírus deixar de ser transmissivo. Eu não tive Covid mas essa doença reforçou em mim a ideia de que quando a gente se cuida e toma as atitudes corretas frente a uma doença contagiosa, esse autocuidado protege os outros. Ficar isolado não é bom, mas foi necessário e isso me ajudou passar esses dias.”

Ele disse que, agora, só quer ver a mãe, os gatos e os amigos.

“Estou cheio de saudades da minha mãe e dos meus amigos. Mesmo falando por videochamada todos os dias, nada substitui um abraço.”

Anderson disse também que vai voltar ao trabalho. “Voltar à minha rotina de trabalho e projetos que ficaram parados. Tive muito tempo para pensar e perceber como a correria do dia a dia faz a gente esquecer de coisas importantes. Mudanças na rotina acontecerão com certeza”, concluiu.

Continuar lendo...
Ministério da Saúde libera quarta dose da vacina contra Covid-19 para maiores de 40 anos
Até agora, o ministério havia liberado essa dose apenas para pessoas com 50 anos ou mais, além de imunossuprimidos e trabalhadores da saúde. Pasta também apresentou mudanças para quem tomou Janssen no esquema primário.

O Ministério da Saúde liberou nesta segunda-feira (20) a quarta dose (ou segunda dose de reforço) da vacina contra a Covid-19 para pessoas acima de 40 anos. Segundo Arnaldo Medeiros, secretário de Vigilância em Saúde, esse novo grupo já pode procurar os postos de saúde para receber a dose.

A recomendação é que a imunização seja feita com as vacinas da Pfizer, AstraZeneca ou Janssen, quatro meses após a aplicação do primeiro reforço.

Até agora, o ministério havia liberado essa dose apenas para pessoas com 50 anos ou mais, além de imunossuprimidos e trabalhadores da saúde.

Doses por grupo para qualquer uma das vacinas:

Maiores de 40 anos: quatro doses
12 a 39 anos: três doses
5 a 11 anos: duas doses

Sobre a inclusão da vacina contra Covid-19 no Programa Nacional de Imunizações (PNI), Arnaldo Medeiros disse que ainda não há previsão.

“Cremos que a vacinação contra a Covid entrará no PNI, é uma discussão que já estamos tendo, mas precisamos de mais clareza de qual seria o público-alvo de maneira mais concreta, qual será a posologia. Os estudos continuam, a discussão com especialistas continua, mas ainda não temos definição de quando ela será incorporada dentro do PNI”, disse Medeiros.

A pasta também apresentou um balanço sobre a vacinação no país. Segundo o ministério, pessoas não vacinadas tiveram risco de ter Covid-19 grave ou ir a óbito de 6 a 9 vezes maior do que pessoas vacinadas durante os primeiros meses de 2022.

Vacinados com a Janssen
O ministério também liberou mais doses para quem tomou Janssen. As vacinas recomendadas para as doses de reforço são AstraZeneca, Pfizer ou Janssen:

18 a 39 anos: segundo reforço (terceira dose)
40 anos ou mais: terceiro reforço (quarta dose)
Continuar lendo...
#Eleições2022: Lula lidera intenções de voto na Bahia com 56% contra 25% de Bolsonaro
Ao todo, foram entrevistadas 1.526 pessoas com 16 anos ou mais de forma presencial, em 72 municípios baianos, entre os dias 6 e 9 de junho deste ano.

O ex-presidente da República, Luis Inácio Lula da Silva (PT), lidera as intenções de voto na Bahia para o Palácio do Planalto com 56,04%, segundo pesquisa do Informe Baiano/Séculos divulgada nesta segunda-feira (13). Em segundo lugar aparece Jair Bolsonaro (PL), com 25,75%, e Ciro Gomes aparece na terceira posição, com 7,34%.

Logo depois aparecem: Simone Tebet com 0,52%; Luciano Bivar com 0,39%; André Janones com 0,33%; Felipe D`Ávila com 0,20%; Vera Lúcia com 0,13%; Eymael com 0,13%; Leonardo Péricles com 0,13%; Pablo Marçal com 0,07%; Sofia Manzano com 0,07%; Nenhum/nulo somam 3,93% e não sabem/não opinaram são 4,98%.

Ao todo, foram entrevistadas 1.526 pessoas com 16 anos ou mais de forma presencial, em 72 municípios baianos, entre os dias 6 e 9 de junho deste ano. A margem de erro da amostragem é de 2,5%, para mais ou para menos, com intervalo de confiança de 95%. O levantamento está registrado no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob nº BR-07002/2022. Jornal da Chapada com informações de Informe Baiano.

Continuar lendo...